Reggina Moon

A Noite...

Solitários todos somos,
antes do apagar da luz,
que dissipam os sorrisos
em nome de alguma prece.
Solitários em nossos castelos.
E o que seria de nós,
depois de tantas passagens
se não fossem as longas viagens
com os nossos sons e silêncios?

 



Para poder comentar y calificar este poema, debes estar registrad@. Regístrate aquí o si ya estás registrad@, logueate aquí.